Desembargadora garante o ‘arrasta-pé’ em Campina

A depender dos campinenses, o título de Rainha do Milho 2018 já tem dona: a desembargadora Maria das Graças Morais Guedes, do Tribunal de Justiça da Paraíba (TJPB). Coube a ela derrubar a liminar da juíza Ana Carmem Jordão Pereira, da 2ª Vara da Fazenda Pública de Campina Grande, que havia suspendido, ontem, a exibição de algumas músicas protegidas pelo ECAD durante o Maior São João do Mundo de Campina Grande.

A desembargadora atende ao agravo de instrumento feito pela Procuradoria Geral de Campina Grande.

“Conseguimos restabelecer o direito da população de Campina Grande de ter, efetivamente e de forma plena, a celebração do São João a partir da próxima sexta-feira”, comemorou o procurador geral do município, José Fernandes Mariz.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: