Só love

“Aqueles que pensam que o troca-troca de partido é uma solução vão ter uma decepção”

>> Ciro Gomes vem à Paraíba sábado

A célebre frase é do senador José Maranhão, em março deste ano.

Ela tinha endereço: o vice-prefeito de João Pessoa, Manoel Júnior, em vias de deixar o MDB por falta de apoio do partido a então pré-candidatura de Luciano Cartaxo ao governo.

Maranhão só não imaginaria que a frase teria tanto efeito em um curto espaço de tempo.

Manoel, que desejara ascender à prefeitura com a descompatibilização de Luciano, trocou o MDB pelo PSC, soltou cobras e lagartos, mas de nada adiantou.

Luciano permaneceu na prefeitura e Manoel, que hoje almeja disputar o Senado, acabou preterido pelo grupo Cartaxo.

Restou compor uma iminente chapa majoritária com Maranhão, a qual classificou há dois meses como uma candidatura “irreversível, imutável e que não dialoga”.

“Político que guarda mágoa não olha para frente”, defendeu Manoel Júnior ontem, ao Frente a Frente, da TV Arapuan, apresentado por Heron Cid.

“Maranhão me conhece desde os meus primórdios, foi quem me lançou lá atrás, em 1988, em quem eu tinha votado para deputado federal”.

As farpas de ontem são os afagos de hoje.

Só love, só love.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: