Que faça como senador o que não fez como deputado, diz Romero sobre Veneziano

Entre tantas divergências, o prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues (PSDB), e o deputado federal e senador eleito, Veneziano Vital (PSB), convergem em um ponto: não perdem a oportunidade de se alfinetarem. 

Se o pessebista tratou a eleição para o Senado como resposta ao revés da eleição municipal de 2016, o tucano cobrou ao parlamentar que “faça como senador o que não faz como deputado”. 

“Todos [parlamentaras] tem direito a destinação de recursos, mas ele nunca colocou para cidade. Lamento profundamente”, criticou Romero em entrevista ao jornalista Heron Cid ao Portal MaisPB.

“Cheguei a ir a bancada [paraibana na Câmara] para pedir [recursos] nominalmente e ele estava presente. Todo ano faço esse pedido para deputados e senadores. Mas não posso impor. Se tiver grandeza em relação a cidade faz. Aliás, para a cidade que a gente mora não precisa nem pedir. É obrigação, por ter sido prefeito, vereador e exercer mandatos que dependeram da confiança da cidade”, continuou o tucano. 

Romero cobrou da oposição “humildade” para admitir os erros que levaram a acachapante derrota na eleição.

“Se a oposição tivesse saído unida, não teria sido esse desastre”, lamentou, em referência às candidaturas de José Maranhão (MDB) e Lucélio Cartaxo (PV). “A oposição precisa se reunificar em torno de um projeto ou de uma postura política”. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: