Marcha à ré no Senado

Em votação simbólica, o Senado retirou da pauta o projeto que enfraquece a Lei da Ficha Limpa, com a diminuição da inelegibilidade para políticos condenados.

O autor da proposta, senador Dalírio Beber (PSDB-SC), foi aconselhado por correligionários para desistir da votação – o que acabou ocorrendo.

Pesou a pressão popular.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: