Política

Bolsonaro e seus três filhos: um governo que promete

Antes mesmo de tomar posse, o presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) já conseguiu desagradar evangélicos – segmento importante para sua vitória – e criou via família uma situação, no mínimo, constrangedora para um aliado importante, o deputado federal eleito Julian Lemos (PSL-PB).

Primeiro o pastor Silas Malafaia se queixou publicamente do desprezo oferecido a Magno Malta – braço direito na campanha e senador derrotado no Espírito Santo -, que esperava tomar conta de algum ministério. Não aconteceu.

Agora por último, como já noticiado pelo Blog, o filho Carlos Bolsonaro ‘enquadrou’ Julian Lemos. Vereador pelo Rio de Janeiro e porta-voz do pai nas redes sociais, Carlos disse que, diferente do que é propagado, Lemos não é e nunca foi coordenador de transição do futuro governo por “detalhes que todos já sabem”.

Quais detalhes? Não disse. 

Não restam dúvidas: para o bem ou para o mal Jair Bolsonaro e seus três filhos provaram que os próximos quatro anos prometem. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: