Política

Bruno deixa partido que nunca teve sua cara

O deputado estadual Bruno Cunha Lima está de saída do Solidariedade.

A decisão foi tomada após o indicativo da ida do vice-prefeito de João Pessoa, Manoel Júnior (PSC), para a legenda e a solicitação de que ambos fizessem uma composição para direção estadual do partido.

“Por eu entender que não tem condições de se fazer composição, decidi sair para evitar divergências futuros e poder seguir fazendo política como acredito, alinhado à renovação que as pessoas querem”, argumentou Cunha Lima, que ainda informou que não tem definição sobre seu novo destino.

A verdade é que a promissora atuação de Bruno na política nunca combinou com o Solidariedade. Nem poderia. O partido é comandado nacionalmente pelo carimbado Paulinho da Força, que de solidário não tem nada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: